“Sempre me perguntei de one surgia a forçla da palabra Macumba… e sabe que a verdade é que seu sinônimo é Preconceito.”

Em pleno Século XXI, ainda existe o preconceito religiosos… O que mais me espanta é a tal da liberdade de expressão e o livre pensamento; Será que enxergar a natureza como olhos místicos e prourar DEUS UNICO na essência da natureza é prática satanista…

Os adeptos das religiões afro-brasileiras tem a natureza como uma morada sagrada, onde Deus depositou seus maiores segredos e quem sabe o maior de todos, A Vida. E com todo respeito vamos atrás de nos sentir mais fortes e em contato com Deus, pois Deus está em tudo e em todos.

Tudo nessa vida é vivo, a água, a terra, as árvores, o mar, o vento… e a energia escondida nessas belezas naturais e que nos renova e nos faz acordar a cada manhã; pois se damos nome a essas energias não significa que estamos indo de encontro oposto a outras religiões, isso é apenas um sinal de que respeitamos tudo que vive e nos faz bem.

Quando recebemos o nome Preconceituoso de MACUMBEIROS, nos fazem voltar na história ao tempo que eramos chicoteados, morriamos de fome, nos jogavam na fogueira, tudo isso porque davamos valor a coisas pequenas… Enquanto os senhores religiosos e donos de terras davam valor ao Dinheiro, a Poder, a sua imagem na sociedade, a bens materiais, nós eramos condenados a morte por dar valor a pedra, plantas, a água, o vento, ao fogo, ao amor e a liberdade.

Enquanto os senhores de Engenhos dito homens de Deus queriam terras e mais terras, nós que eramos tão humilhados pela religião e cor só queriamos a liberdade.

Então, Antes de nos chamar de Macumbeiros e dizer que vamos para o Inferno as potência religiosas deveriam se lembrar do que Deus dá valor, se a ao julgamento das pessoas ao amor, pois julgar só cabe a Deus.

Nós não criticamos ninguém! só queremos que nos respeitem, assim como respeitamos à todos… Deus é um só e Segui-lo significa amar a tudo que eles nos deixou!

Salve a Natureza! Salve a Vida!