Costuma-se falar em doutrinar os Orixás e as entidades, para que tenham um “Comportamento” adequado áquela cultura e casa de axé, Mas nos esquecemos de que os Orixás são sres divinos e subordinados apenas à Deus (Olorún) do qual vieram e com sua tamanha força não precisa que lhes ensinem boas maneiras.

Não é necessário ensinar nada ao Orixá e sim a pessoa que está encorporada (Yawò), não se doutrina Orixás e sim Yawòs e Orís.

Cada individuo em sua identidade espiritual, que podemos definir como Orí, deve ter uma doutrina que será cada vez mais fixada a sua personalidade dentro de sua casa de Axé e assim fazendo de sí um Médium doutrinado” e todo e qualquer Orixá nele manifestado terá uma noção da doutrina naquela casa, pois a doutrina é apresentar ao filho, orixá ou entidade as regras de uma casa e da religião.

Para um bom convívio na religião é necessário dputrina, mas antes de tudo deve-se lembrar que não há doutrina de Orixá sem antes doutrinar o Orí do filho de santo, e quando falamos em Orí, falamos do proprio individuo.

Doutrina é aprendizagem!!!