O Paó é uma sequência batidas com a mão, que tem o objetivo de saudar os orixás; os orixás entendem o paó como um sinal de respeito de um filho á ele.

Essas batidas ritimadas podem acontecer com o filho em frende ao Igbá Orixá, em uma festa, em um ritual entre outras ocasiões.

O Paó surgiu apartir da necessidade de uma Yawó se comunicar com o Orixá sem falar nenhuma palavra, daí a batida ritimada que quer dizer “Eu te saúdo”.

O Paó funciona assim, Repete-se 3 vezes a sequencia abaixo:

3 batidas fortes e lentas + 7 batidas mais baixas e rapidas, Depois saúda o Orixá (Exemplo: Epáhey Oyá)

Geralmente quando uma pessoa bate Paó, todos que estiverem em volta batem também como um sinal de respeito ao Orixá alí reverenciado, caso quem estiver batendo o Paó for um Cargo no Terreiro, os demais baterão abaixados.

Nota: O som do paó deve se Ôco, não deve ser uma batida de palmas comum (Com som estalado).