Kaiango é o Vento forte, Nkisi Semelhante a Matamba, Seria para os Yorubás uma Oyá ou Iansã.

Matamba e Kaiango são distintas forças que provém da mesma energia, ou seja, Kaiango é uma força que vem de Matamba.

Kaiango é para os Yorubás uma Oyá Igbalé, energia dona do fogo que vem do centro da terra e Nkisi que comanda os Nvumbe (Mortos).

Kaiango é Nkisi que separa os mortos dos vivos, colocando cada um em seu devido lugar. Essa Nkisi Domina a magia e os pós mágicos.

Nkisi Kaiango foi mulher de Mutakalambò, por isso tem alguns traços de caçadora, conhece a mata de Motakambò e domina em partes a arte de caçar. Porém Kaiango não é mulher caçadora, seu papel é dominar o outro lado da vida.

Kaiango É A GRANDE SENHORA DO FOGO PRIMORDIAL, DAS BRASAS DO INTERIOR DA TERRA, enquanto Nzazi é o grande Senhor do Fogo Cósmico que rasga os céus desde os tempos primordiais. No momento em que a Terra iniciou o seu resfriamento, surge a FUMAÇA (não uma fumaça qualquer, mas uma fumaça das brasas vulcânicas, resultante do processo da criação deste mundo)… É A ENERGIA DE Kaiango SE TRANSMUTANDO, CRIANDO CAMINHOS… Fumaça é a representação do ar, do vento na forma mais simples e elementar da Criação.