Nkosi é Nkisi guerreiro, Nkisi da construção, das batalhas, é Nkisi que odeia a mentira.

Nkossi é um guerreiro justo, ele faz guerra pela justiça, defende os fracos, odeia a humilhação e a injustiça, é dono da articulação, da motricidade, do tato.

Ele rege os caminhos do artesanal, do que é do serviço braçal, da mão de obra, é o construtor, bem dizendo, ele é o peão, é o pedreiro, é o segurança.

É o orixá responsável pela abertura dos terreiros, pela construção e o progresso de estruturação arquitetônica dos tempos.

Nkossi é o orixá da força, representa o homem forte, o homem decidido, desbravador, dedicado, honesto, trabalhador, guerreiro… é o símbolo do homem de bem, o homem que faz, que constrói a diferença com suas próprias mãos.

Atribui-se a ele o dom do progresso, das vitórias, da proteção.

É o dono do metal e todas as ferramentas.

Nkisi Nkosi, é derivado da mesma família como Nkondi, mas está diferentemente composto e é usado pelo nganga durante a iniciação de noviços.

O termo Nkosi se refere a o leão. Entre o nkisi de Kongo Ocidental Nkosi é uma figura grande.

É o Nkisi das contendas, Nkisi da guerra. Rege as lutas, batalhas, brigas, Divindade masculina dos povos bantus.

É o Nkisi do ferro, dos ferreiros e de todos que utilizam esse metal. Força da natureza que se faz presente nos momentos de impacto e nos momentos fortes. O sangue que corre no nosso corpo é regido por Nkosi. Considerado como um Nkisi impiedoso e cruel, temível guerreiro que brigava sem cessar, ele até pode passar esta imagem, mas também sabe ser dócil e amável. É a vida em sua plenitude.

Os lugares consagrados a Nkosi ficam ao ar livre, na entrada das casas e terreiros.

Geralmente são pedras em forma de bigorna junto às árvores. Nkosi é representado também por franjas de palmeira ou dendezeiro desfiadas chamadas mariwo que penduradas nas portas ou janelas, representam proteção, cortando as más influências e protegendo contra pessoas indesejáveis.

O culto a Nkosi é bastante difundido tanto no Brasil quanto na África. Sem sua permissão e proteção, nenhuma atividade útil, tanto no espaço urbano como no campo, poderia ser aproveitada. Deve ser invocado logo após Pambu Njila ser encaminhado a porta, abrindo caminho para os outros Minkisi. Como na África, ele é representado por sete objetos de ferro pendurados em uma haste de metal. A importância de Nkosi vem do fato de ser ele um dos mais antigos dos Minkisi, e também, em virtude de sua ligação com os metais e aqueles que os utilizam.

Informações:

Cor: Azul escuro

Dominio: Guerras, estradas e metal.

Dia da semana: Terça-Feira

Comida: Inhame assado (Cará) ou Feijoada do Ògún.

Kizila:  Mentira, a fruta cajá e o roubo.

Elemento:  Terra

Qualidades de Nkosi:

  1. MUKUMBI
  2. BIOLE
  3. EMBAMBIE
  4. BAMBI MALÈ
  5. MINIKONGO
  6. TOLODE
  7. TOLA
  8. AMINIBU
  9. MALEMBE
  10. KONGO MUKONGO ou KAJA MUKONGO
  11. SINAVURIE
  12. KAMINDERE
  13. TARAMENE
  14. TARIULÈ
  15. KAMBINDA
  16. ARONDI
  17. NKOSI MAVAMBO (Xorokê)
  18. NGÓ
  19. KONSENZA
  20. PALAXO
  21. MUGOMESSÀ
  22. KARIRI

Plantas de Nkosi:

Abacateiro, Abre Caminho  (Jikula Nzila), Açoita Cavalo, Açucena rajada, Agrião, Akòko, Ameixa, Ameixeira, Amora, Aroeira  (Kisaba Mulongo), Aroeira Branca, Aroeira Vermelha, Boldo Bahiano, Botão de Santo Antônio, Bredo de Espinho, Cabeluda, Cajá, Cajá Manga, Cajazeira (Kirima), Caju, Cana, Cana do Brejo  (Kisaba’nhoka), Canjerana, Carrapicho, Caruru, Cipó Chumbo, Colônia  (Zukamesa Kiari), Coqueiro, Costela de Adão, Cravo Vermelho, Crista de Galo, Dendezeiro, Dracena Listrada, Espada de São Jorge  (Kisaba Njangu), Espelina Falsa, Flor de lã, Goiaba, Goiabeira  (Ngindu Muxi), Grumixameira, Guaçatonga, Guarabu, Guiné, Helicônia, Inhame Branco, Inhame Bravo, Inhame Selvagem, Jabuticaba, Jambo Amarelo, Jambo Encarnado, Japecanga, Jatobá, Jenipapo, Laranja, Leiteirinho, Limão Bravo, Lírio do Brejo, Losna, Mafumeira, Manga, Mangueira  (Kutotomba), Marmeleiro, Milho, Milho Vermelho, Óleo Pardo, Palma Vermelha, Palmeira Abânico, Pau Ferro do Ceará, Peregun, Periquitinho, Pinhão BrancoPiripíri, Poinsétia, Porangaba, Romanzeira, Sangue de Dragão, Sapê, Tanchagem, Tribulus, Tulipa, Vence Demanda.