Ndanda Lunda é a Nkisi da fesrtilidade, do amor e da riqueza. Está associada a Oxum para os Yorubás.

A dona da lua e das águas doces dos rios e cachoeiras, senhora da beleza e do amor. É a figura da mãe que cuida de seus filhos com muito amor e carinho.

Ndanda Lunda é chamada também de Kissimbe, mas há quem diga que se trata de distintas forças de Nkisi.

Ela é a mulher que gosta de estar bonita e de se enfeitar, que passa horas se banhando, se penteando, se arrumando e cantando, mas não se engane com toda beleza, ela é uma Nkisi cheia de msitérios e magia.

Ndanda Lunda é detentora do segredo dos feitiços mais poderosos, ela é considerada (Quando quer) como Uma bruxa.

A palavra Ndanda Lunda quer dizer Nobríssima Senhora, uma princesa e uma rainha, cujo as águas são seu reino.

Kissibe seria a Mãe das águas doces ou senhora das águas doces e Ndanda Lunda é a mulher dona da beleza e da fertilidades, porém ambas são donas do Ouro e do Cobre.

Tudo que é caro está associada à Kissibe/ Ndanda Lunda.

Os Nkisis dependiam de Ndanda Lunda, pois necessitavam da água, por exemplo, Katende fazia seu amacì com as águas de Ndanda.

Kissimbe ou Kisimbi é a repesentação da fertilidade, da maternidade, do ventre feminino, da riqueza, da família, mulher de mutá (Oxóssi Ibualama), mãe de ngongobila ou gongobira (Lógun ede no yorubá) ela é representada como a sereia da água doce, das cachoeiras e rios, dotada de uma beleza sem igual, boa esposa, feitiçeita, tem como seu a artimanha, pois foi ela a única nkissiane a participar da reunião dos aborós (orixás homens) e ser dona do adoxu.

Informações:

Cores: Amarelo ouro, Cobre e Rosa. (Fio de contas é amarelo ouro).

Dominio: Águas doces, Riqueza, Fertilidade e o Amor.

Associação Yorubá: Oxum

Comida: Omolocum

Numero: 5

Odú: Oxê

Dia da Semana: Sábado

Plantas de Kissimbe e Ndanda Lunda:

Abacá, Abiu, Agrião do Pará, Aguapê, Alcaparreira, Alfazema do Brasil, Altéia, Amor Perfeito, Andiroba, Angelicó, Aperta Ruão, Arapoca-branca, Araticum de Areia, Arnica, Arnica do Mato, Assa peixe, Azedinha  (Kisaba Unjimu), Banana, Banana da Terra, Banana Ouro, Bananeira, Bananeira da India, Bananeira de Jardim, Batata Doce, Beldroega Grande, Bem Me Quer, Benção de Deus, Bergamota, Bétis Cheiroso, Bisnagueira, Cajá Manga, Calêndula, Camomila, Canafístula, Capim de Burro, Capim Pé de Galinha  (Nkulu Sanji), Capim Rabo de Burro, Carrapicho, Caruru, Catinga de Mulata, Cavalinha, Chalota, Colônia  (Zukamesa Kiari), Coqueiro de Vênus, Corredeira, Damasco, Dormideira  (Kisaba Musandala), Douradinha, Dracena Listrada, Erva Capitão  (Kibukidilu A Kissimbi), Erva Cidreira, Erva de Jaboti, Erva de Passarinho  (Iabenha), Erva de Passarinho  (Iabenha), Erva de Sangue, Erva de Santa Luzia, Erva Pombinha, Erva Vintém, Fava Pichuri, Flor de Lótus, Folha da Riqueza, Folha de Dez Réis, Gengibre, Goiaba, Gravíola, Ingá-bravo, Inhame Selvagem, Ipê-amarelo, Iúca, Jaqueira, Jibóia, Laranja Bahia, Leiteirinho, Língua de Galinha, Língua de Galinha  (caiala-camochi), Lírio do Brejo, Maçã, Macaçá, Macieira, Mãe Boa  (Manhi–Ximana), Mal-me-quer do Campo, Malmequer Miúdo, Malva, Malva Rosa, Mamão, Manjericão da Folha Miúda, Manjericão de Folha Larga, Maracujá, Melancia, Melão, Melão D’agua, Melão de São Caetano  (Takana Falakêji), Morango, Nespereira, Nove Horas, Papo de Peru, Pariparoba, Patchouli, Pêra, Periquitinho, Picão Preto, Pitanga, Poejo, Quaresminha Rasteira, Quiabo Roxo, Salsa Brava  (Xikina Kiambe Manhi), Salsa da Praia, Samambaia de Poço, Sândalo, Taioba, Tomate, Tribulus, Uva, Vassourinha de Relógio, Vassourinha Doce.