Quando uma pessoa “Bola no Santo”, é um indicio de que o orixá quer a feitura do seu filho.

Quando acontece o “Bolar no santo” a pessoa perde os sentido e cai no chão. Para uma melhor explicação, ela recebeu uma carga forte do orixá e não suportou.

A pessoa é recolhida e levada para um quarto de santo, lá ela é acordada e lhe é dito tudo que aconteceu, se for da vontade dela, pode se iniciar.

Caso a casa tenha recebido nesse dia uma visita de outro sacerdote, antes de recolher essa pessoa é estendido um Pano branco sobre ela.

Muitas casa de Axé, fazem um ritual chamado Bolonã, para saber se o filho vai ou não se iniciar como Yawô.

O ato de Bolar parece muito complicado, mais na verdade é simples, pois a pessoa não é obrigada a se iniciar, ela pode esperar até ter condições. Ou se não for da vontade dela raspar o santo, ela pode permanecer como Abian.

As pessoas podem bolar até em cantigas de Xirê que não tenha haver com seu orixá, também é comum bolar no Xirê de Oxalá, pois ele é pai de todos. Não significa que se bolou em cantiga de um orixá, seja dele.