Oxossi

Oxossi é o orixá da caça, da fatura e dono das matas. É Odé (Caçador) maior e Padrinho da Nação Ketu.

Filho de Oxaguian e Yemanjá, ele é o único orixá que anda na floresta da morte sem temer os espiritos, levando em consideração que os espiritos mais temidos vivem nas florentas.

Oxossi na Africa ganha a representação daquele homem que acorda de manhã pra trabalhar e voltar de noite com o pão de cada dia para sua familia.

Dono das abelhas, que representam os antepassados femininos. Ele está ligado a Ossãe, Exu e Ogum, Ossãe que lhe ensinou sobre as folhas das florestas, Ogum por ter lhe dado armas e exú por algumas lendas contarem que saõ irmãos.

Suas danças simulam o ato da caça, sendo caçador domina a fauna e a flora, gera progresso e riqueza ao homem, e a manutenção do sustento, garante a alimentação em abundância.

as pessoas consagradas á oxossi foram vendidas como escravos para o Brasil e por consequencia colocou seu culto em extinção na Africa e Abrangeu seu culto aqui.

1- Lendas:

Odé era um grande caçador. Certo dia, ele saiu para caçar sem antes consultar o oráculo Ifá nem cumprir os ritos necessários. Depois de algum tempo andando na floresta, encontrou uma serpente: era Oxumaré em sua forma terrestre. A cobra falou que Odé não devia matá-la; mas ele não se importou, matou-a, cortou-a em pedaços e levou para casa, onde a cozinhou e comeu; depois foi dormir. No outro dia, sua esposa Oxum encontrou-o morto, com um rastro de cobra saindo de seu corpo e indo para a mata. Oxum tanto se lamentou e chorou, que Ifá o fez renascer como Orixá, com o nome de Oxossi.

Informações:

Nome: Oxossi

Cor do Fio de contas: Azul turqueza ou Verde

Saudação: Okê Arô

Comidas: Axoxo

Dominios: Matas, caça, agricultura e a terra.

Simbolos: Ofá (Arco e flecha)

Seus filhos são:

Os filhos de Oxossi parecem ser o centro das atenções, são intelectuais e bem comportados. São bem observadores e pensam ates de falar qualquer palavra.

Os filhos de Oxóssi são pessoas de aparência calma, que podem manter a mesma expressão quando alegres ou aborrecidas, do tipo que não exterioriza as suas emoções, mas não são, de forma alguma, pessoas insensíveis, só preferem guardar os sentimentos para si.

São pessoas que podem parecer arrogantes e prepotentes, e às vezes são. Na realidade, os filhos de Oxóssi são desconfiados, cautelosos, inteligentes e atentos, seleccionam muito bem as amizades, pois possuem grande dificuldade em confiar nas pessoas. Apesar de não confiarem, são pessoas altamente confiáveis, das quais não se teme deslealdade; são incapazes de trair até um inimigo. Magoam-se com pequenas coisas e quando terminam uma amizade é para sempre.

São do tipo que ouve conselhos com atenção, respeita a opinião de todos, mas sempre faz o que quer. Com estratégia, acabam por fazer prevalecer a sua opinião e agradando a todos.

Altos e magros, os filhos de Oxóssi possuem facilidade para se mover, mesmo entre obstáculos. O seu andar possui leveza e elegância. A sua presença é sempre notada, mesmo que não façam nada para isso acontecer.

Os filhos de Oxóssi gostam de solidão, isolam-se, ficam à espreita, observam atentamente tudo que se passa à sua volta. Curiosos, percebem as coisas com rapidez, são introvertidos e discretos, vaidosos, distraídos e prestativos, comportamento típico de um caçador, provedor do seu povo.